Argentina

Argentina, oficialmente República Argentina é o segundo maior país da América do Sul em território e o terceiro em população, constituída como uma federação de 23 províncias e uma cidade autônoma, Buenos Aires, capital do país. É o oitavo maior país do mundo em área territorial e o maior entre as nações de língua espanhola, embora México, Colômbia e Espanha, que possuem menor território, sejam mais populosos.

Buenos Aires é ideal para aquela fugidinha, em um final de semana prolongado, seja no inverno ou no verão. Buenos Aires convida os visitantes a aproveitar desde os prazeres do bife de chorizo com chimichurri aos alfajores de doce de leite; curtir as elegantes lojas da Recoleta à feira de antiguidade de San Telmo; e se encantar com o tango de Carlos Gardel às casinhas coloridas da Boca. Além de tudo isso, a cidade tem arquitetura em estilo europeu, boa vida cultural, bons restaurantes e vinhos de excelente qualidade.

LA BOCA. O bairro portuário é outro cartão-postal de Buenos Aires. As ruas coloridíssimas cheias de lojinhas, bares, exposições ao ar livre e casais dançado tango vestidos a rigor são parada obrigatória para quem visita a cidade seja pela primeira vez ou não.

 PUERTO MADERO. Uma das regiões mais novas e simpáticas de Buenos Aires. Puerto Madero foi recentemente revitalizado e está cada dia mais encantador. Antigos armazéns da zona portuária foram transformados em nobres restaurantes e cafés, às margens do Rio da Prata. Uma caminhada ao longo do calçadão é obrigatório para quem visita Puerto Madero. E não deixe de prestar atenção a Puente de la Mujer. Única obra do celebrado arquiteto espanhol Santiago Calatrava na América Latina. A obra tem 160 metros e linhas inspiradas nos movimentos do tango.

PLAZA DE MAYO. É o centro da vida política de Buenos Aires. Seu nome reflete história. Foi dado devido à revolução que eclodiu ali em maio de 1810. Ainda hoje é o palco das grandes manifestações populares da cidade. Ao seu redor estão alguns dos principais edifícios do país: a Casa Rosada, o Cabildo, a Catedral Metropolitana de BA, o prédio do governo e a casa central do Banco da Argentina. A Plaza de Mayo continua sendo o local escolhido pelos portenhos para suas manifestações políticas.

CASA ROSADA. É a sede da presidência da republica argentina, em Buenos Aires, assim chamada pela cor aproximadamente rosa. Abriga também o Museu da Casa do Governo, com material relacionado aos presidentes do país. Do outro lado da praça, a Avenida de Mayo liga a sede do Governo a outro importante marco histórico: a Praça do Congresso Nacional (Palácio do Congresso). Dessa localização na Praça de Maio é possível se observar o Obelisco da Avenida 9 de Julho e a Catedral Metropolitana. Em 1942 foi declarada Patrimônio Histórico Nacional.

 RECOLETA. Bairro residencial chique. Por ali, o ar que se respira é mais sofisticado. Lojas de grifes internacionais, como Ralph Lauren e Kenzo marcam presença no pedaço, além do elegante shopping Patio Bullrich. Na Calle Rodriguez Pena, o restaurante La Cabaña merece uma reserva para almoço ou jantar. Outro cantinho interessante do bairro é a área gastronômica “La Recova“, na Calle Posadas, que fica embaixo do viaduto (onde inicia a Avenida 9 de Julio) e só tem bons restaurantes: Piegari, El Mirasol, Sorrento, La Stampa e La Tasca de Plaza Mayor. Para a sobremesa o Havana serve um bom café com os tradicionais alfajores de doce de leite. Ainda no bairro, o Cemitério da Recoleta atrai muitos turistas. Muita gente entra ali para ver e fotografar o túmulo de Evita Perón e outras personalidades.

Anúncios